NO RESOLUTIONS FOR 2016

palegirlspot

Todos os anos, desde que me lembro, tinha desejos para o novo ano. Tocavam as 12 badaladas e eu pedia algumas coisas. E mesmo depois, tal como o ano passado em que cheguei a gravar um vídeo sobre isso, tinha algumas resoluções para o novo ano.

No entanto este ano decidi não ter nenhuma. O ano passado foi um ano para esquecer a todos os níveis, acho que não mantive nenhuma das resoluções nem nenhum dos objectivos que tracei se concretizaram ou começaram sequer a desenvolver-se.
Por isso mesmo este ano decidi deixar acontecer. Óbvio que continuo a ter objectivos, afinal acho que uma pessoa sem metas é uma pessoa sem futuro. Mas decidi não colocar prazos nem ter grandes expectativas.

Com isto não quero dizer que desisti das minhas coisas, é apenas outra abordagem. Vou continuar a traçar o meu próprio caminho e a fazer o que posso para atingir as minhas metas, mesmo aquelas banais como ser mais saudável e fazer compras com mais consciência, apenas não vou pensar nisso como uma resolução, como algo que tem de ser feito em 2016.

No final do ano lá vos conto como correu 🙂

Vocês têm alguma resolução para 2016?

Follow me on Instagram @elianarssilva and on snapchat elianasilva

Share:
  • O meu grande objetivo (para além do óbvio: fazer exercício e ser mais saudável) é deixar de roer as unhas! Vamos ver como corre 🙂 Kiss kiss

  • Óptimo objectivo 😀

    Beijinhos*

  • Curioso que este ano decidi fazer exactamente a mesma abordagem. Por muito que me esquecesse das resoluções ao longo do ano, na ultima semana de Dezembro vem sempre o "oops, não acredito que não cumpri nada" e dá sempre aquela melancolia negativa um bocado desnecessária. Assim as coisas vão-se fazendo sem pressões.

    Marta Rodrigues, Majestic

  • Exactamente… Fica sempre aquela sensação de dever não cumprido!
    A ver vamos como corre eheh

    Beijinhos*

  • Já há alguns anos que opto por isso e sinto-me sempre mais realizada com o que ia fazendo do que quando propunha objectivos. Quando sentir-mos que temos que mudar algo, mudamos. That's it! Tão simples quanto isso, o facto de esperar um novo ano para mudar algo parece que adia os nossos projetos e se acabarmos por não fazer o que queríamos, torna-se frustrante.
    xx, Ana

    The Insomniac Owl Blog

  • É isso mesmo que penso. Espero ter melhores notícias no final do ano 😀

    Beijinhos*

  • Eu também ando nesse espírito, as expectativas são o pior que se pode fazer na maior parte das coisas, acho que prefiro viver no momento agora, a pensar no futuro e a prepara-lo mas a viver no momento.

    Espero que este ano seja melhor para ti. Beijinhos 🙂
    Love, Ana

  • Muito Obrigada ♥♥

    Beijinhos*