Que os produtos coreanos estão em fase crescente já todos sabemos. São cada vez mais as marcas e tendências a chegar até nós e eu, claro, não podia ficar indiferente.
Entre recebidos e comprados, estes foram os produtos que mais me aqueceram o coração até agora!

BTW, não se esqueçam de subscrever o canal se gostarem e deixar sugestões de vídeos que queiram ver pelo canal!

Seguir:

Antes de mais, vamos dar créditos a quem têm de ser dados. Vi este esquema de apresentação de fotos no blog da Mafalda e como gostei tanto, tive mesmo de “roubar”. Se calhar não tinha de o fazer, mas gosto tanto do trabalho dela, que tive de o fazer (mesmo se não gostasse, tinha de o fazer, but you got it).

Não sei quanto a vocês, mas eu adoro ver este género de posts onde as pessoas falam tanto do que fizeram na semana que passou, como das coisas que planeiam fazer, coisas que marcaram a semana…

// Dua Lipa IDGF Não posso dizer que sou a maior fã da Dua, até porque não conheço tudo o que ela lançou, mas confesso que quanto mais ouço, mais gosto. Tem uma voz super bonita, um estilo maravilhoso e só melhora a cada coisa que faz. Quando ouvi esta música pela primeira vez, não me ficou logo no ouvido, mas quando vi o vídeo… Já perdi a conta às vezes que o vi e a música já não sai da minha cabeça. Que vídeo espectacular!

// Teen Wolf Chegou ao fim e eu ainda não me conformei. Demorei a ver a última parte porque não me queria despedir. A primeira season dispensa-se, mas foi daquelas séries que eu comecei a ver em esperança nenhuma e depois achei muito boa! Não esquecendo que tem o Dylan O’Brien que será a minha crush eterna e que eu acho um actor daqueles…. 

// Me Time Não só para mim mas também para o blog canal. Esta semana senti-me inspirada e com vontade de criar e de gravar. Só faltam mais ideias para vídeos, porque vontade não tem faltado!

E a vossa semana, como foi?

Seguir:

Já é da praxe, por estas bandas, eu fazer uma wishlist de beleza no início de cada ano. Bem, pelo menos foi assim o ano passado e decidi continuar!

Este ano não são tantas coisas quanto as do ano passado e não tenho tantos produtos de skincare – aliás, todos são de maquilhagem. Não que não uma lista com imensos produtos de skincare, mas com o tratamento e porque a maioria dos produtos não se vendem cá, decidi ser um bocadinho mais real.

// Giorgio Armani Power Fabric Tenho a Luminous Silk e gosto bastante, mas por tudo o que tenho visto e lido, esta parece ser ainda melhor – pelo menos para mim. O que ainda me impede é a minha cor nunca mais estar disponível, mas chegaremos lá!

// NARS Natural Radiant Longwear Foundation Já todos sabem o quão a Sheer Glow me desapontou review aqui – , mas por outro lado amei os correctivos deles – review aqui – e todas as reviews, e quero dizer todas, que vi até agora são tão maravilhosas que vou certamente comprá-la mal chegue à Europa!

// Tarte Shape Tape Preciso de dizer alguma coisa? Não me parece. Este ano não me escapa. 

// Charlotte Tilbury Airbrush Flawless Finish Confesso que não aquele pó que me faz ver estrelas e desejar imenso, mas ando atrás de um pó que seja fininho e faça a pele ficar bonita e este parece-me um bom candidato. No entanto, sugestões aceitam-se.

// Nudestix Creator’s Palette Está esgotada há imenso tempo e é edição limitada, mas tem cores tão bonitas e que eu uso regularmente, que é impossível não querer adicionar à colecção.

// Clarins Blue Orchid Face Treatment Oil E por fim um item de Skincare. Com o tratamento de Isotretinoina, aliado ao tempo, a minha pele tem dias em que está bem ressecada. Embora ache que encontrei a rotina de pele ideal para mim e para controlar estas alterações, tenho ouvido falar tão bem deste óleo, que quero imenso experimentar.

Seguir:

Não sei quanto a vocês, mas há poucas coisas que eu gosto mais do que estar em casa sem fazer nada a não ser devorar uma boa série. Consigo ser bastante prodigiosa no número de episódios que sou capaz de ver num único dia. Com a falta de tempo que tenho tido ultimamente, os episódios têm-se acumulado um bocado, mas nem por isso a vontade de ver novas séries passa. 

Há várias que tenho imensa vontade de ver, mas há quatro que têm falado mais alto ultimamente.

 

BIG LITTLE LIES

Já comecei a ver esta série – se não me engano vi o primeiro episódio – mas por alguma razão que não vos consigo dizer qual, ficou parada. A verdade é que gostei bastante e quero continuar a ver. Para começar, o elenco é de peso: Nicole Kidman, Reese Witherspoon e Shailene Woodley. As personagens delas tornam-se amigas porque os seus filhos começam a estudar na mesma escola. Tudo parece perfeito, vidas óptimas (excepto a da Shailene que é a menos “abastada”), mas bem normais, no entanto isso é mesmo o que parece. Na realidade as coisas não são bem assim e até já podemos ver alguns indícios no primeiro episódio. Do que já li, há de tudo; segredos, reviravoltas, traições, mortes… Há receita melhor? Além do mais foi uma das grandes vencedoras dos Golden Globes, o que só pode dizer coisas boas!

THE SINNER

É uma série original Netflix que conta com a Jessica Biel no papel principal. Não ouvi muita gente a falar sobre ela, mas o que vi já me chegou para abrir a curiosidade. A série conta história da Cora que é, aparentemente, uma pessoa como outra qualquer. Pelo menos até ao dia em que ela mata uma pessoa em público, mas sem razão aparente. Nem mesmo ela sabe. A partir daí, vemos a procura por esse motivo e vamos conhecendo melhor a Cora, desde a sua infância, aos traumas… Tudo o que a possa ter levado a cometer o crime. 

HANDMAID’S TALE

Arrisco-me a dizer que é a série do momento e outra as grandes vencedoras dos Golden Globes. A história passa-se num futuro não muito longínquo, onde as taxas de fertilidade estão a cair a pique em todo o mundo. No meio disso tudo, há um território – Gileade – que está em guerra civil e cujos líderes só vêem o poder à frente e acham que para isso precisam de um regime novo em que uma das características principais é ser organizado por castas sociais e onde as mulheres são basicamente propriedade deles, sem direito a nada. Com tudo isso e a infertilidade a escalar, eles decidem que as poucas mulheres férteis de Gileade vão “servir” aos mais poderosos e serem escravas sexuais com o propósito de procriar e continuar a linhagem dos casais mais poderosos. Se isto não vos dá vontade de ver, não sei o que dará!


RUNAWAYS

Finalmente, uma série mais leve e aquela que eu tenho acompanhado. É uma série da família Marvel e por isso remete a um mundo mais de super-herois e de poderes. No entanto, esta série não está carregada disso. Tem alguma fantasia, sim, mas também tem muita ciência que ajuda a explicar algumas coisas. A série conta a história de 6 adolescentes que eram amigos mas que, depois de um acontecimento mais traumático, se afastam. Uns anos depois, voltam a juntar-se e descobrem que a vida que sempre tiveram, estava envolta de muitas mentiras e coisas bem perigosas, que os vão fazer virar-se contra os próprios pais.
Não é aquela série profunda que vos vai pôr a pensar na vida, mas tem-se tornado numa das minhas favoritas ultimamente, especialmente quando quer algo mais leve. Vejam que vão gostar, especialmente se gostam destes universos “alternativos”.

 

Séries nunca são demais, certo? Alguma sugestão vossa?

Seguir:

2017 acabou, mas nem por isso deixa de ser relevante. A cada ano que passa, já é mais que habitual vermos posts e vídeos com os favoritos de cada pessoa nas mais variadas categorias.

Eu até podia dizer que “não sou de modas”, mas não quero enganar ninguém e claro está que tinha de fazer este vídeo. Especialmente depois de estar ausente durante tanto tempo e não vos ter mostrado praticamente nada. Por isso mesmo, têm um bocadinho de tudo: cabelo, skincare, maquilhagem, corpo…
Se me esqueci de algumas coisas? Claro que sim. Afinal sou a Eliana e lembrar-me de tudo seria caso de preocupação. Mas o importante é que o essencial está aqui!

Quais foram os vossos favoritos de 2017?

Seguir:


O que é que posso dizer que ainda não foi dito acerca desta paleta? Acho que nada, mas vamos lá!

A Anastasia é conhecida, especialmente, pelos produtos de sobrancelhas. Ou pelo menos era até há relativamente pouco tempo.
Desde sempre que me lembro de ouvir que os pós (tanto contorno como sobrancelhas) eram do melhor que por aí andavam, mas acho que nunca me chamou tanto à atenção.

Até que esta pequena apareceu… As cores são maravilhosas, bem do género que eu gosto, as reviews estavam a ser fantásticas, tinha uma amiga minha que a tinha e falava super bem dela e então lá fui eu comprar uma para chamar de minha.

Mal ela chegou fui logo testar e fazer as swatches da praxe. E bem… tudo o que diziam era verdade. Super pigmentadas, as sombras mais “cremosas” que já tinha visto, esfarelam um bocadinho, mas nada de extraordinário, esfumam super facilmente e a duração também é super boa. Consigo sair de manhã e voltar à noite com elas intactas. Além disso todas as sombras são consistentes em termos de performance, o que é mais um plus!!

O pincel, que muita gente até gosta, não é tão do meu agrado e acho que nunca o usei, mas é bem melhor que muitos outros e verdade seja dita, ninguém compra a paleta por causa do pincel, certo? 

embalagem também é um mimo. Apesar de ser de cartão, é bem resistente e óptima para viagens. É leve e tem um espelho o que ainda é um plus. O exterior é de veludo, o que eu adoro, mas a verdade é que não é fácil manter aquilo bem limpinho. Mas o interior compensa por tudo.

Desde que a comprei, é raro o dia em que não a use. Está sempre aberta de manhã caso seja precisa alguma cor. Sem dúvida alguma as melhores sombras que já experimentei até hoje. Se estão de olho nela, podem ir sem medos que vão amar. Vale cada cêntimo.

Podem comprar a Modern Ranaissance na BeautyBay ou CultBeauty!

Seguir: